Connect with us

Eventos

IREX – Exposição internacional de robôs de 2019

Exposição realizada a cada dois anos para mostrar o que há de mais recente em tecnologia robótica. A maioria dos robôs em exibição é voltada para a indústria (e não para os consumidores), mas a exposição ainda é popular entre aqueles com interesse geral em tecnologia. Em 2017, mais de 600 empresas instalaram 2.700 estandes para os 130.000 visitantes que vieram durante os quatro dias.

Data do evento: 18 a 21 de Dezembro em Tokyo.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cidades

Covid-19: COI prevê gasto astronômico com adiamento das Olimpíadas

Comitê Olímpico Internacional vai ter rombo nas contas. Previsão da entidade era faturar R$ 25,4 bilhões com a realização dos Jogos Olímpicos neste ano.

O adiamento das Olimpíadas de Tóquio de 2020 para 2021 gerou um prejuízo de “centenas de milhões de dólares” para o Comitê Olímpico Internacional. E o rombo poderia ser maior se o COI não tivesse um seguro pomposo que lhe renderá até R$ 10,1 bilhões (US$ 2 bilhões). Quem relatou o tema foi o presidente da entidade, Tomas Bach.

“Para nós, o COI, já está claro que teremos centenas de milhões de dólares em custos adicionais”, disse o alemão em entrevista ao Welt, jornal germânico.

Campeão olímpico de esgrima nos Jogos Olímpicos de Montreal 1976, Tomas Bach celebrou o seguro feito pelo COI, mas lembrou que ele só cobre o cancelamento das Olimpíadas, mas não garante apoio nas novas datas (23 de julho a 8 de agosto de 2021).

-O seguro do COI cobre o cancelamento, mas não o adiamento. O adiamento exigia um acordo com comitê organizador, que precisava estar preparado para seguir por mais um ano – e o governo japonês também precisava estar disposto a continuar apoiando os preparativos.

Os órgãos governamentais japoneses e organizadores locais afirmam que o custo das Olimpíadas de Tóquio era da ordem de US$ 12,6 bilhões (R$ 64,1 bilhões). Contudo, uma auditoria do governo reportou em dezembro do ano passado que havia chegado a US$ 28 bilhões (R$ 142,5 bilhões). Há sempre um debate sobre o que é custo olímpico e o que deve ficar fora dessa conta. Quando Tóquio venceu como cidade-sede em 2013, estimou os gastos em até US$ 7,3 bilhões (R$ 37,1 bilhões).

O COI contribuiu com US$ 1,3 bilhão (R$ 6,6 bilhões), uma pequena fração quando se pensa no total. A entidade máxima do desporto internacional teve ganhos em torno de US$ 5,7 bilhões (R$ 29 bilhões) no último ciclo de 2013 a 2016. Quase três quartos disso vêm de direitos de transmissão. Outros 18% vêm de patrocinadores.

Até o adiamento, o ganho financeiro previsto pelo COI com as Olimpíadas no Japão estava estimado em R$ 25,4 bilhões (US$ 5 bilhões).

Continue Reading

Entretenimento

Organização da Olimpíada diz que nada garante realização do evento em 2021

O CEO do Comitê Organizador das Olimpíadas de Tóquio, Toshiro Muto, admitiu hoje que não pode garantir que o evento será realmente realizado em julho do próximo ano, data para qual foi adiado devido à pandemia do novo coronavírus.

Previstos para este ano, os Jogos Olímpicos foram transferidos para começar em 23 de julho de 2021. Os organizadores do evento relutaram em anunciar o adiamento, mas cederam depois da pressão de atletas e federações de diversos países. O CEO do Comitê Organizador diz que os trabalhos continuam e qu torce para uma solução. “Tudo que podemos fazer é trabalhar duro para preparar para os Jogos Olímpicos. Nós sinceramente esperamos que até o próximo ano consigam administrar e superar o coronavírus”. O Japão está enfrentando uma segunda onda de propagação da covid-19, e o primeiro-ministro, Shinzo Abe, divulgou uma nota alertando sobre a emergência da situação. Ele sofreu críticas no país por minimizar a pandemia e o motivo apontado por opositores é o desejo de não alterar a data das Olimpíadas.

Continue Reading

Entretenimento

Tokyo City Keiba estreia nova iluminação de inverno até o fim de março

Uma nova iluminação foi aberta ao público no sábado (9) na pista de corridas de cavalo, Tokyo City Keiba, em Shinagawa, Tóquio. O evento chamado de Tokyo Mega Illumination será realizado todos os dias, até o dia 31 de março. As luzes permitirão aos visitantes conhecer a história da cidade desde a era Edo (1603-1868), passando pelo presente, chegando ao futuro. Toda a apresentação é feita através das luzes de LED e da mais avançada tecnologia. 

As duas principais atrações do evento são a Mega Tree Garden com mais de 20 mil luzes e o Twinkle Tunnel, que segundo a organização da iluminação é um túnel que leva as pessoas para a Tóquio do futuro.

Confira abaixo mais informações da iluminação:

TOKYO MEGA ILLUMINATION
Quando: 12 de janeiro a 31 de março
Horário de funcionamento: dias de semana das 18h-22h e finais de semana das 17h-22h
Valor: 1800 ienes (adultos) e 1000 ienes (estudantes até colegial)
Endereço: Tokyo-to, Shinagawa-ku, Katsushima 2-1-2 Oikeibajo

Continue Reading

Copyright © 2019 Japão Digital